Category Archives: Saúde

Explore dicas e insights sobre saúde e bem-estar. De nutrição a exercícios e saúde mental, encontre estratégias para uma vida mais saudável.

Dicas de um cirurgião plástico

Às vezes, podemos sentir que queremos mudar nosso corpo ou nos livrar das mudanças que o corpo foi exposto, seja por influências externas, aumentando a idade ou alterando as condições de vida. Pode ser sobre começar a treinar, perder peso, colorir o cabelo ou começar com cremes para cuidados da pele.

Há também mudanças e circunstâncias que podem exigir que façamos essas mudanças.

Pode ser sobre …

Uma perda de peso que resulta em excesso de pele que fica no estômago.
Uma cicatriz assustadora ou marca de nascença.
Pálpebras que começaram a pendurar sobre os olhos.
Busto muito grande que causa dor nas costas e dor
Coleções de gordura que, apesar do treinamento e do fígado saudável, não querem desaparecer.

Algo que é muito importante quando você pensa em uma cirurgia plástica é recorrer a um cirurgião plástico que é membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

Hoje, a cirurgia plástica é segura e a tecnologia está bem comprovada. No entanto, novos métodos e técnicas aparecem o tempo todo e é especialmente importante falar sempre com um cirurgião plástico antes de decidir esses métodos e não confiar em diferentes mídias e fóruns.

Quando você decide submeter-se a uma cirurgia plástica, você irá primeiro para a clínica para uma consulta com o médico. O médico percorre a cirurgia conforme desejado e faz uma avaliação do que pode ser oferecido.
Falar com um médico às vezes é uma situação complicada. Não é apenas a consulta que está cada vez mais curta, mas muitos médicos tendem a descartar queixas menores se acharem que o paciente não é sério com eles ou é incerto. Ao abordar o assunto da cirurgia estética, é especialmente importante estar preparado antecipadamente para garantir que o seu médico fará seus cuidados com seriedade ao conversar com ele.

1.
Faça sua pesquisa. Procure online todos os detalhes relacionados ao tipo de cirurgia estética que você está considerando ou ao tipo de problema que deseja corrigir. Acesse a sua consulta com impressões ou uma lista de perguntas para que você possa levantar o problema diretamente, em vez disso, pedir uma opinião geral.
2.
Informe o seu médico sobre suas intenções e peça ações preparatórias que você possa tomar para se preparar para qualquer cirurgia. Se você fuma, provavelmente deve parar pelo menos um par de semanas antes da cirurgia. O mesmo se aplica se você estiver tomando certos medicamentos prescritos (por exemplo, ácido acetilsalicílico) ou complementando (por exemplo, certos produtos à base de plantas ou pílulas dietéticas), porque eles podem influenciar negativamente o seu procedimento.


3.
Converse com seu médico sobre os custos da cirurgia plástica. Se o seu seguro não abrange o procedimento, ele pode ter algumas opções de financiamento disponíveis através da sua clínica ou hospital afiliado.
4.
Pergunte sobre a possibilidade de complicações por causa de seu histórico médico e qual sua recomendação profissional em relação à sua saúde. Enfatize que você está olhando para entender seus riscos, não peça sua ajuda para determinar se você precisa de uma operação ou não.
5.
Esteja preparado para uma resposta negativa. Muitos médicos vão tentar impedir você de fazer uma cirurgia estética se eles acharem que não precisam dele ou sua saúde pode estar em risco. Sinta-se livre para procurar uma segunda opinião, se quiser, mas tentar entender a posição do médico sobre sua saúde pode ser gravemente ameaçada por qualquer tipo de cirurgia estética eletiva.
6.
Aguarde duas semanas após consultar-se com seu médico antes de agendar a sua cirurgia. Durante este tempo, você pode avaliar todos os riscos, além de garantir que esta operação seja o que você realmente deseja.
Dicas e avisos

Certifiquem-se de sempre consultar o seu médico sobre quaisquer problemas de saúde que possa ter, incluindo hipertensão arterial, alergias ou cicatrização lenta, uma vez que dissertações podem afetar seu diagnóstico ou horário formal.
Quando você fala com seu médico sobre cirurgia estética, certifique-se de pedir alternativas. Informe o seu médico sobre as razões para querer cirurgia e solicite alternativas ou novas dicas e opiniões.

Veja abaixo um vídeo da cirurgia de rinoplastia:

A História da Cirurgia Plástica

A história moderna da cirurgia plástica realmente começou a tomar forma na década de 70. Os cirurgiões plásticos estavam subindo para o topo do mundo médico, incluindo um cirurgião plástico que foi nomeado Cirurgião Geral, em 1969, e outro que ganhou um prêmio Nobel

Havia também muitos desenvolvimentos científicos significativos durante este tempo. Silicone era uma substância recém-criada que foi crescendo em popularidade como um ícone de certos procedimentos da plástica. Inicialmente, utilizou-se para tratar as imperfeições da pele. Então, no começo da década de 1960, o Dr. T. Cronin criou e apresentou um novo dispositivo de implante mamário que foi feito de silicone. Durante a próxima década mais ou menos, os implantes de silicone foram desenvolvidos para uso em quase todas as partes imagináveis ​​do rosto e do corpo.

Na década de 1980, os cirurgiões plásticos e defensores das cirurgias fizeram um grande esforço para expandir a sensibilização do público e melhorar a percepção pública da cirurgia plástica. Este aumento tanto na quantidade e qualidade da informação disponibilizada aos consumidores, juntamente com o boom econômico da década de 1980, começou a fazer a plástica mais acessível para o público.

O crescimento continuou através da década de 1990, apesar dos problemas causados ​​pela reforma do planejamento de saúde que causaram quedas acentuadas no reembolso das companhias de seguros para o trabalho de reconstrução. Muitos cirurgiões foram forçados a se concentrar mais no trabalho cosmético a fim de permanecer na prática, e alguns decidiram renunciar cirurgia reconstrutiva por completo.

Surpreendentemente, a crescente controvérsia sobre implantes mamários de silicone não pareceu deter um número cada vez maior de pacientes a buscar procedimentos cosméticos.

A Cirurgia Plástica Hoje

Na década de 2000, a cirurgia estética desfrutou de uma explosão na popularidade, e os avanços médicos tornaram possíveis façanhas reconstrutivas que antes eram apenas um sonho do que poderia um dia ser. Nesta era da comunicação acelerada, a internet e a televisão ajudaram na popularidade, e agora podemos ver praticamente qualquer tipo de procedimento de cirurgia plástica a partir do conforto de nossas próprias casas.

Atualmente, a tendência mais importante em cirurgia plástica é um movimento em direção a procedimentos menos invasivos destinados a afastar os sinais visíveis de envelhecimento. De fato, os processos mais populares deste tempo, envolvem a utilização de substâncias injetáveis, tais como agentes de enchimento de rugas faciais e, mais notavelmente, o Botox. Estima-se que existem mais de 1,2 milhões de injeções de Botox administradas no Brasil a cada ano, e esse número está em constante crescimento.

Mesmo entre os próprios cirurgiões plásticos, tem havido um considerável debate ético em andamento a respeito de suas aparições em programas de televisão. Os programa de televisão, enquanto populares, tem sido alvo de controvérsia. Quanto é demais, e que tipo de valores que estamos ensinando através de uma programação como esta?

É claro, existes vários shows com temas de cirurgia estéticas. Apesar dos debates em curso sobre os seus méritos, não há dúvida de que as pessoas estão pensando e falando sobre a cirurgia plástica mais do que nunca em sua história. Estamos todos bem educados como os consumidores sobre os riscos e benefícios da cirurgia, e toda a negatividade que um dia já foi ligada a cirurgia estética está caindo no esquecimento.

Leia mais aqui